Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Porte de arma
Início do conteúdo da página

PORTE DE ARMA

Publicado: Sexta, 21 de Dezembro de 2018, 13h31 | Última atualização em Segunda, 08 de Julho de 2019, 13h40 | Acessos: 1873

É o documento, com validade de até 10 anos, que autoriza o policial a portar, transportar e trazer consigo uma arma de fogo, de forma discreta, fora das dependências de sua residência ou local de trabalho.

 

Procedimentos para a obtenção do porte de arma:

 

  1. Realizar *avaliação de aptidão psicológica para o manuseio de arma de fogo, que deverá ser atestado por psicólogo credenciado pela Polícia Federal.

 

  1. Com o atestado psicológico em mãos, deverá comparecer à DIPC. Esta Diretoria apresentará o interessado, mediante ofício, ao CPSO para que a Junta Médica homologue seu atestado;

 

  1. Após 20 dias da homologação do atestado, retornará à DIPC, portando a Identidade Militar atualizada e o Registro da arma (somente poderá obter o porte de arma, o policial que possuir pelo menos uma arma registrada em seu nome) e requererá o Porte de Arma de Fogo;

 

  1. O policial poderá ligar após 15 dias para o Centro de Inteligência (CI-DCAM) nos telefones: 3190-5315/3190-5316/99657-4767, para obter informações quanto ao processo de Porte da Arma e caso o documento já esteja disponível, deverá ir buscá-lo.

 

*Em caso de solicitação de Ressarcimento dos gastos com a avaliação psicológica, será necessário a apresentação dos seguintes documentos:

- Nota Fiscal da avaliação psicológica

- Pedido médico da avaliação (solicitar na Junta médica)

- Identidade Militar

Fim do conteúdo da página