Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

GTOP 24, equipe de alta produtividade

Escrito por Karina Linhares | Criado: Terça, 15 de Setembro de 2020, 16h47 | Última atualização em Terça, 15 de Setembro de 2020, 16h47 | Acessos: 730

BRASLANDIA

A Equipe Destaque da semana é o Grupamento Tático Operacional - GTOP 24, que está vinculado ao 4º Batalhão de Polícia Militar, e atende a região do Guará, Setor de Oficinas Sul e Lúcio Costa.

 

O grupo trabalha junto há cerca de seis anos e é formado por nove policiais militares, os quais estão divididos em duas equipes, a 24A, formada pelo sargento Cleudson, os cabos Marques Lima e Octávio e o soldado Oliveira e a 24B, que integram os sargentos Bruno Cunha, e Oliveira Silva e os cabos Gilmar, Dantas e Pinheiro.

 

De forma geral, o GTOP 24 trabalha em ação coordenada com o Centro de Inteligência e as comunidades locais. Por meio desse intercâmbio de informações, os policiais militares conseguem atingir excelentes resultados que culminam em diversas ações de prevenção e repressão da criminalidade. Os planejamentos estratégicos promovem alta taxa de apreensão de drogas e prisões de traficantes das regiões.

 

Em uma das ocorrências destaques aconteceu em Vicente Pires. A equipe patrulhava a região a procura de um posto de abastecimento quando receberam a informação que havia um veículo parado com pessoas em atitude suspeita, próximo ao Base Atacadista. Quando abordamos era uma conhecida da policia já, reincidente no mundo do crime. Dentro do carro havia uma grande quantidade de maconha, cerca de 1kg, então conseguimos levantar outro local onde ela guardava mais drogas e no local tinham mais 9kg.

 

Outra ocorrência foi uma abordagem de um indivíduo em atitude suspeita o qual encontraram uma espingarda calibre 12, que de acordo com o suspeito, venderia para um chacareiro que já tinha costume de comprar armas em mercados negros. Outra foi de um indivíduo que desceu do metrô e quando abordamos ele tinha 6 kg de maconha na mochila.

 

 

De acordo com o sargento Bruno Cunha, a equipe é altamente qualificada, “permanentemente atualizamos os procedimentos utilizados em serviço, por meio do curso de patrulhamento tático, também compartilhamos conhecimento.” Apenas neste ano, a equipe atingiu números surpreendentes de apreensão de drogas, foram 50 Kg de crack, 700 comprimidos de MDMA (princípio ativo do ecstasy), 100g de haxixe, 2 kg de cocaína, 6 Kg de Skank e 52 kg de maconha. Em dinheiro, foi restituído 85 mil reais e apreendido 8 mil notas falsas. No que se refere a armamento, forma 16 armas de fogo, sem contar outras tantas armas brancas, foi recuperado também 2 veículos roubados.

 

O comandante sargento Bruno e o sargento Cleudson atribuem os excelentes resultados ao empenho permanente da equipe em manter-se atualizada e, também, às informações recebidas das comunidades locais.

 

 

Fim do conteúdo da página