Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

PMDF apoia Campanha Maio Amarelo 2023

Escrito por Kelly Marques | Criado: Quarta, 03 de Maio de 2023, 07h06 | Última atualização em Quarta, 03 de Maio de 2023, 07h20 | Acessos: 1312

Este ano a campanha Maio Amarelo completa 10 anos, e tem como tema “No Trânsito, escolha a vida”. A Campanha é organizada pelo observatório Nacional de Segurança Viária e ocorre em todo Brasil com objetivo de debater a segurança viária e mobilizar a sociedade para conscientização sobre redução de acidentes no trânsito.

De acordo com o tenente-coronel André Caldas, comandante do Batalhão de Policiamento de Trânsito da PMDF, a intenção da corporação durante a campanha é incentivar e conscientizar os motoristas a adotarem práticas seguras no dia-a-dia, além de contribuir para uma segurança viária e redução dos índices de morte.

Na Programação desse ano, a Polícia Militar do Distrito Federal, realizará ao longo do mês de maio a intensificação da fiscalização no trânsito em todo o DF, com as ações de conscientização, especialmente para condutores que dirigem manuseando o aparelho celular.

Só neste ano, dados PMDF, apontam que o número de multas por dirigir usando o celular está acima de 24 mil. Em janeiro e fevereiro de 2023 foram 16.254 registros, superando o total do mesmo período do ano anterior (16.024). Isso significa um aumento de 3% em relação ao ano passado.

Segundo o coronel Edvã de Oliveira Sousa, do Comando de Policiamento de Trânsito da PMDF, a Polícia Militar realiza ações contínuas que fazem toda a diferença na reflexão, voltado à mudança de comportamento dos condutores e respeito ao próximo.

“Se colocar no lugar do outro é ponto fundamental para um trânsito mais seguro, o uso do celular não é permitido nem mesmo parado no semáforo, essa conduta está vinculada a imobilização temporária do veículo. Essa prática é infração gravíssima, com a penalidade de multa e acréscimo de 7 pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH)”. Explica o coronel.


Na PMDF, o grupo Guardião do Trânsito também trabalha a conscientização das futuras gerações estudantes de escolas públicas. “Objetivo é formar cidadãos mais conscientes e melhores, uma ligação ou uma mensagem pode esperar, mais importante que isso é a preservação da vida, sua vida vale muito!” Ressalta o coronel Edvã.

Fim do conteúdo da página